LUA DE MEL

Lua-de-mel – Destino Gramado

Heey, princesas lindas do Para Sempre Sim.

Hoje vou estrear um de nossos assuntos do blog: a lua-de-mel. Mais propriamente a viagem de lua-de-mel, que no meu caso foi feita para Gramado, no rio Grande do Sul.

Cada um tem sua preferência, uns gostam de praia, outros gostam de frio, outros ainda de destinos radicais, dentre muitos outros. Vamos tentar aqui ajudá-las a escolher o destino de uma das melhores viagens que farão na vida.

Gramado… O que dizer desse lugar que ficou em meu coração de um jeito tão fofo.

Situada na região serrana do Estado do Rio Grande do Sul, Gramado é uma cidade de clima geralmente frio e paisagens típicas de tal.

Primeiro, você deve saber que não existe aeroporto lá. Assim sendo, para chegar à Gramado toma-se o avião para Porto Alegre e de lá uma condução para Gramado. O tempo de deslocamento do aeroporto até Gramado gira em torno de duas horas.

No próprio aeroporto encontram-se táxis, ônibus e vans que fazem o trajeto, se o seu pacote de viagem já não contiver o transfer.

Chegar em Gramado é como entrar em outro país, mais particularmente algum país ítalo-germânico. A arquitetura da cidade é toda nesse estilo. E também não há como explicar a gentileza daquele povo. Não existe um só momento em que podemos dizer que fomos tratados com falta de cordialidade. Na verdade, foi exatamente o contrário,

Só para que tenham noção, uma avenida corta a cidade. Estávamos a pé e precisávamos atravessá-la, mas não encontrávamos sinal em lugar algum. Resolvemos esperar um pouco para que o tráfego diminuísse e fomos atravessar. Os carros continuaram vindo de qualquer maneira mas ao pisar no asfalto me senti como o povo de Israel passando pelo meio do mar à seco. Os automóveis vindo em nossa direção TODOS, isso mesmo, todos pararam para que passássemos.

Mais tarde perguntamos a um taxista o motivo de não ter farol, e ele disse que é para manter a educação dos motoristas de pararem mesmo sem a sinalização.

A cidade é muito linda e limpa, as pessoas muito educadas e a comida inacreditável.

Se for à Gramado, não deixe de experimentar a sequência de fondue e o café colonial. Não são difíceis de encontrar, existem muitos na verdade. Os hotéis e pousadas em geral fornecem informações de onde encontrá-los.

Ponto turístico é o que não falta. A cidade é cheia deles. Vou falar dos que nós fomos, mas deixarei aqui  link do Tripadvisor com os demais pontos turísticos.

E cabe esclarecer que infelizmente não fomos visitar a cidade de Canela, mas alguns dos pontos turísticos que mencionarei são situados em Canela, bem como em Bento Gonçalves e outras cidades.

Mini Mundo

O Mini Mundo é um parque de maquetes, por assim dizer. Com suas várias maquetes, forma uma mini cidade bem interessante.

É tudo tão detalhado e bem feito, que não dá vontade de parar de olhar.

 

Lago Negro

É aquele lugar gostoso pra passar um tempo andando, observando a natureza com o bem, ou fazer um passeio de pedalinho pelas águas.

No inverno, azaleias coroam a paisagem, e no verão é a vez das hortênsias.

 

Snowland

Tá afim de passar um friozinho? Bora pro Snowland. Isso se você não for no inverno de Gramado que é bem rigoroso para os níveis nacionais.

É o primeiro parque de neve indoor das Américas. E acredite em mim quando eu te digo que vai passar frio.

Há várias atrações como a pista de patinação, a montanha de neve e o vilarejo alpino. Não deixe de ir, é uma programação das melhores.

 

DreamLand

Quer conhecer Will Smith, Angelina Jolie, Brad Pitt? No Dreamland, o museu de cera de Gramado, você realiza seus sonhos.

As estátuas são muito perfeitas e tem pra todo gosto, desde atores famosos, cantores até personagens históricos. Vale muito a pena.

 

Hollywood Dream Cars

É um museu de carros antigos. Confesso que o assunto carros não me atrai muito, porém não tem como não se encantar com os automóveis. O maridos chegam a suspirar lá dentro.

 

Super Carros

Se a atração anterior foi sobre carros antigos, essa aqui só tem carro top atual.

Tem Porsche, Lamborghini, Ferrari, Aston Martin e por aí vai. E pra quem quiser, e puder, pagar, pode-se dar uma volta em alguns dos carrinhos.

 

Harley Motor Show

O nome do bar/museu já diz a que veio.

O espaço é dedicado às motocicletas Harley Davison, e o clima lembra os cassinos de Las Vegas. As motos expostas são raras.

 

Parque Terra Mágica Florybal

É um dos parques temáticos da região. O tema jurássico predomina em geral.

O parque em si é muito bem feito, os cenários são lindos, e além disso ainda tem atrações teatrais, cinema 7 D e mais um monte de coisas para curtir.

 

Alpen Park

O Alpen é um parque misto a meu ver.

Situado em Canela, se compõe de brinquedos de parque de diversão e atrações como Cinema 4D, passeio de quadriciclo, tirolesa e etc.

O visual é totalmente arborizado, tudo verdinho e lindo. Extremamente agradável.

 

Mundo à Vapor

O Mundo á Vapor é uma espécie de parque temático que tem em exposição máquinas à vapor em tamanho real e miniatura, em pleno funcionamento.

Além disso, oferece passeio de trem à vapor (que não pudemos aproveitar porque estava chovendo =( ).

 

Parque do Caracol

Mais especificamente visitamos a Cascata do Caracol e o bondinho.

A vista é maravilhosa. Dá um certo medinho da altura mas nada que impeça curtir a natureza maravilhosa.

Em dias de chuva não há acesso á cachoeira, mas em dias normais tem uma trilha que leva a ela.

 

Epopéia Italiana

É um parque temático, com nove cenários construídos que recontam a história dos imigrantes Lázaro e Rosa, pessoas muito importantes para o nascimento de Bento Gonçalves e região.

Sou suspeita a falar porque amo história, e poder conhecer mais um pouco da vida de pessoas que vieram de tão longe para se situar em nosso país foi muito interessante. Gostamos muito.

Os cenários são tão fofinhos gente.

 

Maria Fumaça

Por último, mas nada menos importante, ficou o passeio de maria Fumaça de Bento Gonçalves, passando por Garibaldi, com destino a Carlos Barbosa.

Me senti transportada a anos atrás dentro da maria fumaça.

No passeio há uma degustação de vinho e também uma tração musical que passa pelos vagões. Muito animado e lindo.

Nesse vagão da foto foram gravadas algumas cenas de uma novela global. Ele é o único mantido com os bancos originais.

 

Gramado Café Colonial

É um tipo de ponto turístico culinário. Não fazíamos a mínima ideia do que era até chegarmos lá e alguém nos perguntar se já tínhamos ido ao café colonial.

Existem alguns lugares que o oferecem na cidade, e esse é onde fomos.

Vá com fome. Muita fome! É muita comida que eles colocam pra comer, uma média de 80 tipo de quitutes diferente. E tem sobremesa, tá. rs

 

Bavaria Sport Hotel

Não é ponto turístico, essa é minha dica pessoal para vocês.

Na Nossa estadia, ficamos hospedados no Bavaria Sport Hotel.  Fomos extremamente bem tratados. Os funcionários são excepcionais, o quarto muito limpo, organizado e quente (estava friozinho); o hotel tem uma estrutura excelente; e o café da manhã pra lá de gostoso.

Quando precisamos de informações sobre restaurantes, passeios, empresas de turismo, eles foram muito solícitos. O hotel tem veículos para levar os hóspedes ao centro da cidade em horários definidos, o que é de muita ajuda.

Termino por aqui, mas devo dizer que há muitos outros pontos turísticos á serem visitados em Gramado, Canela e região. Inclusive, no fim de novembro começa a época natalina em Gramado, o Natal Luz, com festivais típicos lindos.

Tem também o Restaurante Garfo e Bombacha, famoso por sua costela 12 horas e danças típicas.

Obs: Deixei nos títulos de cada ponto turístico e do hotel os links. É só clicar para saber mais e comprar os ingressos, se quiser.

Espero que gostem do posto e que os ajudem. Tentei não contar demais sobre cada ponto turístico porque acho que perde um pouco da graça. É muito bom descobrirmos a magia do local por conta própria.

Bejinhos, princesas e príncipes =*

2 Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *